Suposto pastor diz que cantora Fabiana Anastácio, morta pela Covid-19, está no inferno porque ‘morreu no pecado’ - ESPINHA DE PEIXE

Breaking

ENTRE NO GRUPO DE NOTÍCIAS!

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS BASTA CLICAR NO LINK!
INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL DO YOUTUBE

domingo, 28 de junho de 2020

Suposto pastor diz que cantora Fabiana Anastácio, morta pela Covid-19, está no inferno porque ‘morreu no pecado’

Fabiana era casada e mãe de três filhos; a morte da cantora foi no dia 04 de junho, em decorrência da Covid-19.


A morte da cantora Fabiana Anastácio ainda está sendo difícil de ser superada pelos familiares, amigos e fãs. A cantora morreu na quinta-feira (4), vítima do coronavírus.

Fabiana, natural de Santo André, cidade da Grande São Paulo, tinha 45 anos, era casada há mais de vinte anos com o pastor Ruben Souza Nascimento e teve três filhos: Ruben Junior, 17 anos, Guilherme, 16 e Lucas, de 13. Em entrevista ao portal de notícias G1, Ruben, ainda impactado pela morte da esposa, contou que a doença evoluiu de forma muito rápida. No início, ela tinha sintomas de gripe e já foi isolada em casa. Quando piorou, foi para um hospital, testou positivo e já ficou internada. Morreu 20 dias após os primeiros sintomas.

Ruben diz agora ter uma missão junto de sua família: caminhar e encontrar forças na fé para superar essa perda tão dolorosa para a Covid-19.

Mas um vídeo que está circulando nas redes sociais vem causando revolta na comunidade evangélica. Um homem, que ainda não foi identificado e se diz pastor evangélico, afirmou que Fabiana está no inferno. A declaração dele veio como resposta ao outro pregador, que teria dito que a cantora estaria no céu.
O motivo alegado pelo suposto pastor de que Fabiana está no inferno é que ela “teria morrido no pecado por ter se entregado à vaidade e pintar o corpo”. Ou seja, ele acredita que ela foi punida simplesmente pelo fato de usar maquiagem.
Assista ao vídeo:
As declarações do homem causaram revolta e muitos internautas saíram em defesa da artista. “Santidade não tem nada há ver com pintar o rosto e sim o comportamento dos cristãos,se conhece a árvore pelos frutos e Fabiana Anastácio deixou muitos frutos. De longe se via que ela era uma Santa mulher de Deus”, disse uma internauta.

“Quer dizer que se você é serva de Deus, não pode cuidar do seu corpo sendo que Deus manda nos cuidar? Existe grande diferença entre doutrinas e fanatismo. Vaidade, exagero, sensualidade na igreja, não agradam a Deus!”, comentou outra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RADIO VIOLA VIVA