Exclusivo Barra: Comunidade está abandonada há décadas, sem energia elétrica e sem nenhuma atenção do poder público - ESPINHA DE PEIXE

Breaking

ENTRE NO GRUPO DE NOTÍCIAS!

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS BASTA CLICAR NO LINK!
INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL DO YOUTUBE

segunda-feira, 4 de maio de 2020

Exclusivo Barra: Comunidade está abandonada há décadas, sem energia elétrica e sem nenhuma atenção do poder público

por Fillis Niorges

(Igreja construída no ano de 1890)

Barra é uma cidade histórica cheia de encantos e magias, que conquistam a todos que conhecem a sua história. Más o lado obsoleto é uma triste realidade. Vamos conhecer nessa matéria o Boqueirão, um paraíso natural, uma comunidade esquecida, habitada por várias famílias, que segundos moradores do lugar, foi habitado no século XX por escravos e até hoje pessoas ainda vivem como os seus antepassados. A igreja foi construída há 130 anos.



Ainda sem energia elétrica, sem infraestrutura adequada, moradores do Boqueirão vem sofrendo, aquém a qualidade de vida que os outros Estados brasileiros possuem. Eles vivem ainda à luz de velas, candeeiro e lampião. Não tem energia elétrica, que é um direito do programa "Luz para todos do governo Federal", que não chegou por lá. Apenas postes foram instalados há quase 30 anos. E há alguns anos atrás foi feito um projeto más foi engavetado. Sem contar a água sem tratamento algum.



Extremamente comovente, e o que foi feito? nada. A única escola que tinha foi fechada ano passado, as crianças estudam em uma comunidade próxima de nome pedrinhas. Até hoje nenhum prefeito da Barra olhou para eles. Existe um transporte único que vai toda semana levar os moradores na cidade cuidar da saúde e fazer suas compras. Más não tem nenhum tipo de assistência social.

"Estamos esquecidos e abandonados, os governantes da Barra só vem aqui , levam votos e somem" diz moradora. A sobrevivência é da pesca, agricultura familiar, criações de animais e caças. Algumas pessoas que tem familiares no Boqueirão leva m muito tempo para receber notícias de parentes. Qual gestão vai mudar essa realidade? Todo ano as mesmas promessas.





O lugar tem um encontro épico do Rio grande com o Rio preto que contemplam à comunidade com lindas paisagens que poderia se tornar um lugar turístico se fosse investido pelo poder público.


Cerca de pedra feita pelos escravos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RADIO VIOLA VIVA