Casos de chikungunya crescem 740% em 3 primeiros meses do ano em Salvador - ESPINHA DE PEIXE

Breaking

ENTRE NO GRUPO DE NOTÍCIAS!

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS BASTA CLICAR NO LINK!

terça-feira, 21 de abril de 2020

Casos de chikungunya crescem 740% em 3 primeiros meses do ano em Salvador

Casos de chikungunya crescem 740% em 3 primeiros meses do ano em Salvador
Foto: Reprodução / Portal Drauzio Varella

O número de caso de chikungunya em Salvador aumentaram 740% nos três primeiros meses do ano em relação ao mesmo período do ano passado. Neste ano foram 1.606 casos da doença. De acordo com a secretaria municipal de saúde, de 1º de janeiro até 13 de abril de 2019, a capital baiana contabilizou 217 casos. Conforme o G1, em toda a Bahia, houve aumento de 544% no número de casos de chikungunya em relação ao mesmo período do ano passado. Assim como a dengue e a zika, a doença é transmitida pelo Aedes Aegypti.

INTERIOR
No interior, as cidades com mais registros são: Feira de Santana (677), Nova Fátima (73), Esplanada (61), Irará (53) e Santo Amaro (50). Por meio de nota, a secretaria municipal de saúde informou que equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) realizaram ações neste ano, no bairro do Candeal, como vistoria em imóveis, aplicação de inseticidas, entre outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RADIO VIOLA VIVA