Prefeito de Cuiabá decide manter comércio fechado e diz que a prioridade não é a economia e sim a vida da população - ESPINHA DE PEIXE

Breaking

ENTRE NO GRUPO DE NOTÍCIAS!

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS BASTA CLICAR NO LINK!

sexta-feira, 27 de março de 2020

Prefeito de Cuiabá decide manter comércio fechado e diz que a prioridade não é a economia e sim a vida da população

O decreto assinado por Emanuel Pinheiro será reavaliado no dia 5 de abril. Enquanto isso, as determinações do governador Mauro Mendes não têm validade em Cuiabá.

Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro — Foto: Assessoria

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que respeita as decisões do governo estadual, anunciadas na manhã desta quinta-feira (26), mas reafirma o entendimento pela necessidade de manutenção do isolamento social, como principal estratégia de combate à disseminação do novo coronavírus.

O governador Mauro Mendes (DEM) assinou um novo decreto que permite o funcionamento do comércio, desde que os estabelecimentos sigam as normas de segurança, prevenção e combate ao coronavírus. Ele deu entrevista coletiva, via redes sociais, nesta quinta-feira, sobre as mudanças.

Segundo Emanuel Pinheiro, as ações já implementadas na capital, por mais drásticas que possam parecer inicialmente, respaldam-se em protocolo da Organização Mundial da Saúde e diretrizes técnicas de especialistas, inclusive do Ministério da Saúde. Com monitoramento diário vigoram as decisões já tomadas nessa primeira fase, até 5 de abril, podendo ser prorrogadas. Somente após essa data e avaliado seus resultados iniciais é que serão estabelecidas novas medidas pela prefeitura, principalmente em virtude da espiral de crescimento da infecção que deverá ocorrer no mês de abril, conforme projeções do Ministério da Saúde.

Para o prefeito, todas as decisões já efetivadas, objetivam o cuidado e a proteção da saúde e da vida das pessoas, especialmente com aqueles mais carentes e os que estão inseridos no grupo de risco.

“O vírus não circula. Quem circula são as pessoas. Por isso, cuidar da sua saúde, cuidar das pessoas é tão fundamental. Cuiabá não pode sucumbir. Nesse momento não há atividade econômica que prevaleça à vida. A economia será recuperada, em um esforço conjunto, mas os munícipes merecem ações firmes e assertivas em defesa do cidadão. Primeiro cuidamos da população, depois recuperamos a economia”, disse.

O prefeito Emanuel Pinheiro reafirma que em meio a tantas incertezas, há uma percepção unânime: é necessário agir. “Lidamos com uma questão global e os modelos de gestão, obrigatoriamente, devem ser reavaliados. Não podemos ter como prioridade a economia. A prioridade é a vida. Sigo consciente de que meu embate é contra o novo coronavírus e continuarei nesse enfrentamento em defesa de cada cidadão cuiabano”.

Por fim, o prefeito de Cuiabá conclama toda a sociedade e pede apoio ao governo do estado, Poder Judiciário, Poder Legislativo, Tribunal de Contas, ao Ministério Público e à Defensoria Pública, Associação Mato-grossense dos Municípios e demais instituições.

“É fundamental a união de todos, em especial dos poderes e instituições, para essa cruzada contra a Covid-19 e em defesa da cidadania e da dignidade da pessoa humana”, finalizou.


Por G1 MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RADIO VIOLA VIVA